Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

you and i, wind land and sea

"You know ma, we invest in our lives with such a relentless passion, not once realising how fragile it is."

you and i, wind land and sea

"You know ma, we invest in our lives with such a relentless passion, not once realising how fragile it is."

Tu, tu e só TU @

Cinco palavras para o  meu texto, a gosto da minha prima Sofy ^^

PS: O texto nao está nada de especial, mas foi o melhor qe consegui fazer :'b

Objecto : Almofada
Lugar : Praia
Verbo : Nadar
Cor : Azul Marinho
Outro : Tom

 

 


"Abro os meus olhos. Tenho dificuldade em ver no meio desta claridade toda, por isso, calculo qe sejam 10h. Pestanejo algumas vezes para me adaptar melhor à luz e quando dou uma olhadela rápida ao meu lado, reparo que já te levantaste.


Sorrio. Podem só ter passado algumas horas, e podes até estar na cozinha neste momento, mas nao estás a meu lado e eu já sinto saudades tuas.

 

Tentei chamar por ti, mas como sempre ao acordar, a minha voz nao serve para muita coisa. E, não sei como, no momento depois de ter tentado chamar por ti, tu apareceste e deitaste-te ao meu lado. "Tom" disse-te, baixinho. Tu olhaste para mim, reencostando-te na almofada, e acariciaste-me a cara. Deste-me a mão e levantaste-te, levando-me contigo.

Sempre de mão dada, levaste-me até ao guarda-roupa e puxaste aquele vestido azul marinho que me ofereceras nos anos. «Veste-o. Tenho uma surpresa para ti.» Disseste, com um sorriso.

 

Antes de me tirares a fita dos olhos que nao me permitira ver para onde me tinhas levado, tiraste-me as sandálias. Conseguia sentir a areia. «Praia .. !» pensei.

 

Deste-me um beijo e então depois tiraste-me a fita. Era o lugar mais bonito onde já tinha estado e o som das ondas do mar acalmavam-me. Passeámos pela areia durante alguns minutos, a falar. «Apetece-te nadar ?» perguntaste. Antes de eu conseguir responder, tu agarraste-me e começaste a correr em direcção à agua. Ainda bem qe estámavos sozinhos naquela tarde, porque eu tinha desatado a gritar e a rir.

 

Depois, convidaste-me a sentar na areia, contigo. E ficámos assim, durante algum tempo, agarradinhos um ao outro e de mão dadas, a celebrar o nosso aniversário de namoro ..."

 

 

 

MJ*

1 comentário

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.